domingo, 6 de junho de 2010

O que há velhinho?



Estava precisando cortar o cabelo – mera necessidade formal para quem segue o slogan de uma famosa marca de refrigerante sabor limão. Escolhi um salão onde trabalham exclusivamente mulheres: jovens, senhoras, separadas, casadas, solteiras, adolescentes - uma infinidade de progesterona espalhado pelo ambiente. Há, mulheres, mulheres!

Fui recepcionado por uma simpática atendente, que aparentava uns trinta e cinco anos. Perguntou o que eu iria fazer e me encaminhou pelo salão; passei pelo corredor polonês, fui fitado da cabeça aos pés, até chegar a minha cadeira. Após ser apresentado à profissional, fui logo soltando um discurso pronto:

- Não tente nada diferente, nada de cortar muito, estou com pressa...

Como sempre, salão é um lugar propício para conversar, entretanto, nós homens, práticos que somos, evitamos prolongar uma tarefa simples de quinze minutos.

Depois das preliminares, lavagem em água quente e a massagem no couro cabeludo, já estávamos conversando como velhos amigos. (Salão de beleza é um ótimo lugar para amenizar a carência afetiva).

Neste momento pré-corte, após a massagem, enquanto enxugava meus cabelos ela me perguntou se eu fazia as sobrancelhas. Acabei por sair do transe pós-massagem num estalo. Não, não, ela não descobriu meu segredo...como muitos imaginavam. Na verdade eu fiquei muito curioso, pois deve ter notado algo em mim que inspirasse uma conotação, digamos ambígua. Respondi assustado dizendo que não... nunca tinha tirado e nem sabia que homens tiravam também, achei que homens só cortavam os cabelos e faziam a barba. Complementei, claro, perguntando o porquê de ter insinuado isso.Ela me disse que eram bem delineadas, mas estavam com alguns fios fora do alinhamento…

Notando minha estranheza – especificamente ao comentário e não pelo fato de tirarem as sobrancelhas – acabou por me acalmar dizendo que é normal homem vir se cuidar, disse que os oficiais do exército e até os soldados também freqüentam o salão. Afirmou também meus colegas de trabalho são freqüentadores...

- Quem são eles? - pergunta boba...

- Com você agora serão quatro, relaxa, são apenas uns “rebeldes” que serão removidos, não vai doer e não vai parecer nem que foram retirado, as mulheres vão gostar... - concluiu a com excelentes argumentos.

No dia seguinte pela noite eu tive um encontro; ela me perguntou se eu havia cortado o cabelo, eu disse que sim... continuou a me olhar e perguntou se havia tirado a sobrancelha também...

- Como é que mulher nota estas coisas?

O cabelo ficou quase do jeito que eu gostaria, mas a sobrancelha ficou perfeita. Hahahahahahahhaha. (Se meus amigos homens perguntarem eu nego até a morte, porra!)

2 comentários:

  1. mulher nota tudo kkkkkk
    Dei boas risadas com esse post ! ótimo

    ResponderExcluir
  2. hahhahahaa...Sou detalhista, desculpe!

    ResponderExcluir