segunda-feira, 28 de junho de 2010

Nem nada.



Nem Cloridrato de Sertralina;

Nem Lexotan;

Nem açúcar;

Nem carne de Porco;

Nem chocolate;

Nem sexo;

Nem amigos;

Nem férias;

Nem consumir;

Nem escrever;

Muito menos ler;

Nem viajar;

Nem dormir;

Nem álcool ;

Nem dia, nem noite;

Nem droga nenhuma me estimula...


2 comentários:

  1. Cara, parece doideira, mas é nesse NEM NADA que
    sempre me acho, vou de encontro!
    Ainda bem que podemos descrever o NEM NADA, só assim
    saberemos que ainda temos algo à fazer....
    Te amo muito!
    Tia Vera com saudades!

    ResponderExcluir